Qualidade de sobra e o resgate da história das missões: A Malgarim Vinhos pelo sommelier Tairone Kupka :: Vinhos Finos Malgarim
mixpanel.track("Video play");  
Malgarim Vinhos

Qualidade de sobra e o resgate da história das missões: A Malgarim Vinhos pelo sommelier Tairone Kupka

05-02-2018

Qualidade refinada e semelhanças com vinhos portugueses, impressionaram o sommelier ao primeiro contato com os vinhos malgarim.

Em entrevista para o blog da Malgarim, o sommelier Tairone Kupka -hoje representante da Malgarim em terras porto-alegrenses- , conta como conheceu a Malgarim vinhos e qual sua expectativa sobre a vinícola para o futuro.

Um resumo sobre você

Bom, me chamo Tairone Kupka e assim fui batizado em 1983, mas aqui em Porto Alegre já me chamam de (o baixinho de São Borja). Comecei meus estudos sobre vinhos em meados do ano de 2000 e tive passagem por várias empresas do segmento.

Trabalhei como Sommelier em restaurantes e lojas de vinhos, onde conheci vinhos de todas as empresas e importadoras disponíveis no mercado nacional. Aprendi muito na Vinícola Ravanello em Gramado, por onde passei por 3 anos. Fiz representações para empresas vinícolas como Dal Pizzol de Faria Lemos em Bento Gonçalves, Bodega Czarnobay de Encruzilhada do Sul e a importadora Vinhos do Mundo que é uma gigante no segmento em Porto alegre.

Sempre fui fã incondicional de vinhos nacionais e já comprei muitas brigas por isso, que costumo dizer que valeu a pena cada uma delas, sempre peleando em favor da pampa.

Como você conheceu a Malgarim

Costumo dizer que não escolhi a vinícola Malgarim  e sim fui escolhido por ela. Gramado 2012, eu então Sommelier do restaurante Marcos, tive o prazer de encontrar dois cidadãos missioneiros: o Sr. Sergio e seu filho Daniel - certa noite jantando no restaurante, ali conheci os vinhos  de São Borja (Malgarim).

Lembro como se fosse hoje as palavras que disse ao meu patrão, o chefe Vinicius Carvalho: quem diabos faz vinho nas missões!!! Sem muitas expectativas provei um a um.

"Tive um sobre salto! Fiquei deliberadamente confuso. Fiquei impressionado de imediato, pois os vinhos eram -digamos assim- exóticos."

Quando olhei para o Daniel ele estava meio pavoroso e louco para ouvir algo, e assim falei: rústico, complexo, refinado. “Tchê tu tens os vinhos mais ao estilo português que já bebi e os mais bagunçados também”, foi só risos e ali fechamos uma parceria que virou amizade. Hoje acho que sou um Malgarim com orgulho. 

Qual a sua visão sobre a vinícola

Acredito que a vinícola Malgarim nasceu do sonho e do desejo de fazer bem feito. Sonho que talvez nem foi idealizado pelo Sr: Dom Augusto Malgarim, mas que nos dia de hoje com o Sergio e o seu filho Daniel, é uma realidade. Resgata um pouco da história não apenas de sua família, como também traz a tona a jornada do povo das missões.

"Verdade seja dita beber um bom vinho com familiares e amigos e ter uma boa história para ouvir é nostalgia pura, que nos traz muitos prazeres e quase nos obriga a abrir uma segunda garrafa (risos)."

Malgarim Vinhos e a nova rota do vinho no RS

Certamente a vinícola da fronteira oeste será um diferencial para o sul do Brasil, pois mostrará a nova rota dos vinhos no nosso estado e uma nova percepção dos vinhos nacionais. Rota que hoje ainda pertence a serra e campanha gaúcha. Cada vez mais os novos consumidores e amantes do vinho procuram por novas regiões e vinícolas boutique, pois elas primam pela qualidade acima de tudo! E isso a Malgarim tem de sobra.

"Acredito que não levará muito tempo para nos destacarmos no território nacional e estarmos entre as melhores de nosso país."

Gostou da matéria? Então Deixe-nos seu curtir

Voltar as Novidades


Vinhos Finos Malgarim© 2009-2014 - Todos os direitos reservados.

Formas de Pagamento

Pagamento via Pagseguro
Pagamento via Pagseguro

Desenvolvido por Desenvolvido por Moov Design